Teatro

Encontro de teatro infantil começa movimentado e vai até domingo com apresentações gratuitas pela cidade

Apresentações surpreendentes e feirinha marcam primeiro dia do festival

 

09/10/2019 12h00
Por: Redação

 
(Divulgação) (Divulgação)

A quarta edição do Eteca (Encontro de Teatro Entre Crianças) começou nesta terça-feira (8), e mais de 100 pessoas passaram pela sede do Grupo Casa para prestigiar o evento. A abertura do festival, que segue até domingo (13), contou com apresentações de alunas, que escreveram seus próprios textos e encantaram a plateia, feirinha de roupas, livros, artigos como adesivos personalizados, comidinhas saborosas e contou também com apresentação da Cia Art Negus, com o espetáculo "Toda Forma de Amor".

Há quatro anos o Eteca vem sendo realizado com o objetivo de mostrar a importância do lúdico na infância, em um mundo em que cada vez mais tudo vem pronto e a imaginação é tão pouco estimulada. "Ano após ano, estamos tentando fazer com que as pessoas entendam a importância da arte, no caminho junto com a educação, na formação da criança. A criança vive em um mundo em que a fantasia está muito presente, e essa fantasia precisa ser estruturada com a arte. As crianças já não têm mais essa fábrica da imaginação e o teatro devolve isso", explica a diretora do Grupo Casa, Lígia Prieto.

A jornalista Josiane Marques, mãe da Valentina, de 9 anos, que frequenta o Grupo Casa desde o início do ano, é uma das colaboradoras do Eteca, e acredita que é fundamental trabalhar o lúdico na infância, e se sente muito animada em ver a evolução da filha. "Foi ela quem pediu para fazer teatro, após uma experiência na escola, e como eu já conhecia o Grupo Casa através de algumas apresentações, sabia que aqui seria o lugar certo. Ela é muito retraída e se desenvolveu, perdeu a vergonha e superou medos e inseguranças. Além disso, ela desenvolveu muito a empatia pelas outras crianças, que é uma coisa que o grupo trabalha muito. Por isso, busco participar de tudo", relata.

O Eteca conta com mais de 80 artistas, sendo 20 desses, crianças com menos de 11 anos, quatro escolas, 39 pessoas que participaram da vaquinha online e mais 10 financiadores.

Outro ponto forte do Eteca é a presença da livraria itinerante Badaiá, que fica no evento todos os dias e oferece mais de 50 títulos literários, para crianças desde o colo até adolescentes e com valores a partir de R$7 e média de R$30. Todas as obras comercializadas pela Elaine Guarani e seu marido, Augusto Figliaggi, são escolhidas a dedo e com muito carinho. "Buscamos sempre obras literárias, com conteúdo e que não sejam comerciais, com um projeto gráfico legal, autores e editoras pequenas", conta Elaine. A Badaiá começou há cerca de um mês e meio e costuma marcar presença em feiras e escolas, levando títulos especiais para as crianças e oferecendo variedades como Cordel infantil e o livro-brinquedo.

O Eteca continua, com a programação totalmente gratuita e trazendo dois espetáculos por dia. Confira a programação acessando a página do Grupo Casa no facebook. A sede do Grupo Casa fica na Travessa Nelson Tabelião Pereira Seba, nº8, Chácara Cachoeira.

Envie seu Comentário