Policial

PMA multa fazendeiro, após morte de 23 cabeças de gado em Terenos

 

05/11/2019 17h21
Por: Alan Diógenes

 
(Foto: Divulgação/PMA) (Foto: Divulgação/PMA)

A PMA – Polícia Militar Ambiental identificou um fazendeiro de 36 anos e o multou em R$ 23 mil depois que o mesmo deixou que 23 cabeças de gado morrerem. O caso aconteceu em outubro em Terenos, 30 quilômetros de Campo Grande, mas foi agora que a polícia o identificou.

A equipe da PMA foi até a fazenda depois que recebeu denuncia anônima. Lá, o capataz disse que o proprietário era o homem de 36 anos.

Ele também confirmou que os animais estavam mortos e começaram a ficar debilitados desde o dia 19 de outubro, quando chegaram ao local. Os animais foram trazidos de Corumbá e não suportaram o transporte. Neste período ficaram sem água e alimento.

Depois de fazerem várias visitas, ele foi multado administrativamente em R$ 23 mil e será investigado por crime ambiental. A pena para maus-tratos varia de três meses a um ano de prisão.

O Iagro ( Agência Sanitária Animal e Vegetal) também foi acionado para a avaliação sobre sanidade dos outros animais que estão na propriedade.

Envie seu Comentário