22.8 C
Campo Grande
domingo, 21 de julho, 2024
spot_img

Vídeo mostra motociclista em alta velocidade batendo contra muro na Av. Eduardo Elias Zahran

A polícia acredita que o excesso de velocidade somado a um erro na condução da moto tenha provocado o acidente que matou um jovem de 19 anos na tarde dessa quinta-feira (06), em Campo Grande.

O sinistro aconteceu na Avenida Eduardo Elias Zahran, no trecho de curva logo após a rotatória com a Avenida Joaquim Murtinho, em frente a sede da TV Record MS. Câmeras de videomonitoramento registraram a colisão da moto contra o muro de um terreno.

Conforme a perícia da Polícia Civil, a motocicleta da vítima, modelo Honda Titan 160cc, foi comprada há cerca de um mês, nova, e não teria falha mecânica que pudesse provocar o impacto. A possibilidade do pneu dianteiro ter estourado também foi descartada.

A partir de imagens de circuítos de videomonitoramento, a investigação estima que o rapaz tenha perdido o controle da direção ao tentar ultrapassar uma fila de veículos que estava parada no semáforo mais a frente, não conseguindo por conta do excesso de velocidade.

Não foram encontradas marcas de frenagem na via e também não há qualquer outro tipo de veículo trafegando pela pista ao lado do motociclista que possa ter provocado uma manobra ao ponto de empurrar a vítima contra o muro, ou seja, ele bateu sozinho.

A mãe do jovem compareceu ao local e fez o reconhecimento do filho. Aos policiais que atenderam a ocorrência, a mulher revelou que ele estava indo até a antiga empresa em que trabalhava para devolver o uniforme. O caso continua sendo investigado.

Veja o vídeo no play abaixo:

Fale com a Redação