A Agência de Habitação Popular de Mato Grosso do Sul (Agehab) publicou nesta terça-feira (7) no Diário Oficial do Estado (DOE) a lista de desistentes e excluídos na participação do Programa Minha Casa Minha Vida em Campo Grande. Substitutos foram convocados para a lista principal e reserva.

Segundo o edital, os candidatos substitutos deverão apresentar a documentação pessoal para comprovação dos critérios constantes da inscrição e habilitação das declarações. A Agehab entrará em contato para agendar e entrega de documentos.

As unidades são de quatro residenciais na Capital: Condomínio Residencial Portal das Laranjeiras (210 UH); Condomínio Residencial Sírio Libanês I, II e III (154 UH); Residencial Jardim Aero Rancho 7 (119 UH) e Residencial Jardim Aero Rancho 8 (119 UH). O sorteio dos apartamentos foi realizado em junho do ano passado na Escola Estadual Joaquim Murtinho.

Deste total, o mínimo de 5% será destinado para pessoas idosas e 10% para pessoas com deficiência ou à família de quem faça parte pessoas com deficiência.  Para fins de seleção dos candidatos serão observados os critérios nacionais de priorização que são: famílias residentes em áreas de risco ou insalubres ou que tenham sido desabrigadas, comprovado por declaração do ente público; famílias com mulheres responsáveis pela unidade familiar, comprovado por auto declaração e famílias de que façam parte pessoa (s) com deficiência, comprovado com a apresentação de atestado médico.

Comentários