Polícia Militar (Foto: Ilustração)

Uma mulher de 48 anos, que não teve seu nome divulgado, foi presa na noite deste domingo (16), no bairro Jardim Aeroporto em Campo Grande, após jogar o filho de apenas 15 dias na parede e por fim atear fogo na casa, com a criança dentro. Segundo vizinhos ela teria problemas de vício com o álcool e no momento da prisão estaria bêbada.

Conforme informações do boletim de ocorrência, a PM (Polícia Militar) foi acionada para atender denúncia de maus-tratos e que chegando ao local encontrou o casal que teria discutido, após ambos passarem o dia ingerindo bebida alcoólica. Exaltada e bêbada a mulher teria jogado a criança na parede e colocado fogo no sofá da casa, espalhando a chamas para a cortina.

O homem e mãe conseguiram conter as chamas, já a mulher dizia que tomou a atitude para ninguém ficar com o bebê. Ela foi presa em flagrante, encaminhada para a delegacia, passará por audiência de custódia nesta segunda-feira (17).

Populares próximos à casa, relatam que a mulher seria alcoolista e mãe de outros quatro filhos, nos quais dois morariam com o pai dela e que ainda no ano passado teria matado acidentalmente, um filho de nove meses ao dormir em cima da criança.

Preocupados, os vizinhos pedem que ela receba ajuda, já que é nítido que ela não tem condições de seguir sozinha na luta contra o vício e muito menos na criação dos filhos.

Comentários