Um ladrão de 38 anos acabou preso em flagrante delito, depois que foi perseguido e atropelado pela dona de uma lanchonete, 40 anos, onde o autor havia subtraído um aparelho celular. O caso ocorreu na noite de domingo, no bairro Vila Moreninha II, em Campo Grande.

Segundo registro policial, na lanchonete estavam a dona e uma atendente, 23 anos, quando o autor chegou por volta das 21h anunciando o assalto e exigindo um aparelho celular e o dinheiro do caixa, cerca de R$ 50. Na ação, o homem chegou a segurar pelos cabelos da atendente, além das ameaças.

Após o crime ele fugiu em uma bicicleta, mas foi seguido pela proprietária do estabelecimento comercial, sendo alcançado e atropelado quase em frente à uma agência de Correios. O criminoso abandonou a bicicleta que usava e fugiu, novamente, pulando alguns muros.

A Polícia Militar foi acionada e em diligências acabou localizando o autor, que confessou o crime e indicou o local onde havia deixado o celular roubado. Ele foi encaminhado para Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário (Depac) Cepol. Ele apresentava, segundo boletim de ocorrência, escoriações pelo corpo, causadas no atropelamento.

Comentários