Primeiro jogo da final da Copa do Brasil 2020 - Grêmio x Palmeiras na Arena do Grêmio (Foto: Lucas Figueiredo/CBF)

Campeão pode embolsar até R$73,65 milhões

A Confederação Brasileira de Futebol definiu os valores das cotas para a Copa do Brasil 2021. Caso dispute a competição desde a primeira fase, o campeão pode embolsar até R$73,65 milhões. Se entrar a partir da terceira, acumulará R$71,15 milhões.

As quantias a serem pagas para cada clube dependem diretamente do desempenho deles ao longo desta edição da Copa do Brasil. As duas fases iniciais da Copa do Brasil terão três faixas de premiação: Grupo I, formado por times que estejam entre os 15 primeiros do Ranking Nacional de Clubes; Grupo II, que engloba equipes da Série A; e Grupo III, com o restante dos participantes. As cotas serão distribuídas por cada avanço de fase, respeitando o grupo ao qual cada clube pertence. 

Confira as cotas de premiação previstas para os clubes participantes da Copa do Brasil 2021.

CBF define valores de premiação por fase para a Copa do Brasil 2021
Créditos: CBF

Grupo I

– 15 primeiros colocados no Ranking Nacional de Clubes da CBF 2021

Athletico (PR), Atlético (MG), Bahia (BA), Botafogo (RJ), Ceará (CE), Chapecoense (SC), Corinthians (MG), Cruzeiro (MG), Flamengo (RJ), Fluminense (RJ), Grêmio (RS), Internacional (RS), Palmeiras (SP), Santos (SP) e São Paulo (SP).

Grupo II

– Clubes participantes da Série A do Campeonato Brasileiro em 2021, com exceção dos que já pertencem ao grupo I

América (MG), Atlético (GO), Cuiabá (MT), Fortaleza (CE), Juventude (RS), Red Bull Bragantino (SP) e Sport Recife (PE).

Grupo III

– Demais participantes da Copa do Brasil que não estão nos Grupos I ou II

Neste grupo esta o único time sul-mato-grossense, Águia Negra. Além dele, compõem os seguintes times: 4 de Julho (PI), ABC (RN), América (RN), Atlético (AC), Atlético (BA), Avaí (SC), Bento Gonçalves (RS), Boavista (RJ), Brasiliense (DF), Brusque (SC), Caldense (MG), Campinense (PB), Cascavel (PR), Castanhal (PA), Caxias (RS), Cianorte (PR), Confiança (SE), Coritiba (PR), CRB (AL), Criciúma (SC), CSA (AL), Ferroviário (CE), Figueirense (SC), Galvez (AC), Gama (DF), Goianésia (GO), Goiás (GO), Guarany (CE), Jaraguá (GO), Joinville (SC), Juazeirense (BA), Juventude (MA), Luverdense (MT), Madureira (RJ), Manaus (AM), Marília (SP), Mirassol (SP), Moto Club (MA), Murici (AL), Nova Mutum (MT), Operário (PR), Palmas (TO), Paraná Clube (PR), Paysandu (PA), Penarol (AM), Picos (PI), Ponte Preta (SP), Porto Velho (RO), Real Brasília (DF), Remo (PA), Retrô (PE), Rio Branco (ES), Rio Branco de Venda Nova (ES), Salgueiro (PE), Santa Cruz (PE), Santa Cruz (RS), São Raimundo (RR), Sergipe (SE), Tombense (MG), Treze (PB), Uberlândia (MG), União Rondonópolis (MT), Vasco da Gama (RJ), Vila Nova (GO), Vitória (BA), Volta Redonda (RJ), Ypiranga (AP) e Ypiranga (RS).

Comentários