O valor da cesta básica aumentou 0,97% no mês de agosto, em Campo Grande, segundo o levantamento divulgado pelo Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese), nessa sexta-feira (4). Em números, o preço médio da cesta básica é de R$484,46, o que corresponde a cerca de 50,12% do salário mínimo.

No ranking, Campo Grande ocupa o sétimo lugar entre as 17 capitais pesquisadas. Veja:

Cesta básica em Campo Grande registra nova alta de 0,97% no preço

Recife apresentou a maior alta em relação aos 12 últimos meses, com variação de 21,44%. Já no acumulado do mês, São Paulo foi que registrou o maior aumento de 2,90%. 

Já Campo Grande teve alta de 0,97% e já soma um acumulado de 18,71 nos últimos 12 meses. Neste ano a Capital teve um aumento de 7,64% no valor da cesta básica.

Em agosto, o valor da cesta básica fechou em R$484,46. Entre os produtos com maior alta de preços em Campo Grande, com relação ao mês de junho, destacam-se: o óleo de soja com variação de 31,85%, Arroz tipo agulhinha com variação de 13,61%, a carne bovina com variação de 8,89%, o leite integral com 7,17%, o pão francês com 5,35%, farinha de trigo 3,92%, tomate 3,32% e o café 0,35%.

Já o item que teve maior redução no preço (mais barato), foi observado no valor do feijão carioquinha – 25,53%. O preço médio do pacote de um quilo de feijão é de R$ 6,74.

Os produtos que registraram maior redução de preços em relação ao mês anterior, foram: a
banana -12,21%, em seguida a batata -11,78%, oaçúcar -3,29% e a manteiga -0,39%.

Comentários