Muitos líderes simplesmente não sabem como motivar seu time de maneira prática, segundo articulista

Como motivar seu time?

Valdez Monterazo*

Primeiro quero enfatizar que cultivar um time motivado é uma arte, uma arte que pode ser desenvolvida.

Motivação é a arte de fazer as pessoas fazerem o que você quer que elas façam porque elas o querem fazer. – Dwight Eisenhower

Negligenciar o fator motivação do seu time é um grande erro pela seguinte razão: pessoas desmotivadas produzem muito menos que poderiam.

Nesse sentido, o primeiro questionamento que quero promover é o seguinte: a motivação de cada colaborador depende do líder?

Pessoalmente, acredito que cada ser humano tem o poder de traçar seu próprio caminho, nesse sentido, a motivação é responsabilidade de cada um.

No entanto, líderes têm tanto poder de influência sobre suas equipes, que suas ações, ou a ausência delas, pode elevar ou destruir completamente a motivação e o engajamento de cada liderado.

Existe um ditado no mundo corporativo que exemplifica essa ideia com precisão: “As pessoas pedem demissão dos seus chefes e não da empresa”

Mesmo com essa perspectiva, ainda assim, muitos líderes simplesmente não sabem como motivar seu time de maneira prática.

Como motivar seu time?

Abraham Maslow, um grande pensador da psicologia, criou a Teoria da Motivação Humana. Ela responde perfeitamente a pergunta acima.

A teoria, representada por uma pirâmide de necessidades, explica que existem cinco níveis de motivação e que, para se chegar a um nível mais elevado, é necessário antes conquistar o anterior. Eles são:

Figura 1 – Hierarquia das necessidades de Maslow

Sobrevivência

O primeiro nível é o de sobrevivência, representa ter suas necessidades básicas atendidas. No ambiente empresarial, isso envolve oferecer aos funcionários as condições adequadas de trabalho e remuneração.

Segurança

O segundo nível é o de segurança, que hoje está relacionado à manutenção e segurança financeira.

Pertencimento

O terceiro nível da pirâmide é o de pertencimento. Ele é satisfeito quando sentimos que fazemos parte de algo maior, estamos inclusos no time e na empresa. Este fator está intimamente relacionado à criação e manutenção de bons relacionamentos dentro do negócio.

Estima

A partir do quarto nível, estima, é que as pessoas começam a ficar realmente motivadas. A estima vem de saber que se é apreciado, respeitado e valorizado pelas pessoas à sua volta.

Atitudes direcionadas a fazer as pessoas se sentirem bem consigo mesmas levam a um aumento deste fator, consequentemente, maior performance no trabalho.

Autorrealização

O quinto nível é o de Autorrealização, ele representa o sentimento de estar progredindo e tornando-se tudo aquilo que se é capaz.

Aplicado ao mundo corporativo, ele representa o sentimento de superação de desafios e rompimento de barreiras.

Figura 2: Teoria dos dois fatores

É importante observar que alguns desses fatores, simplesmente levam as pessoas à insatisfação, enquanto outros promovem a motivação.

Outro notório pesquisador, Frederick Herzberg, falou exatamente sobre isso.

Os fatores que levam a insatisfação são chamados de fatores Higiênicos. Isso significa que satisfazê-los não torna necessariamente um time motivado, mas não os respeitar certamente irá destruir a motivação da equipe.

Os três primeiros elementos da Teoria da Motivação de Maslow, sobrevivência, segurança e pertencimento representam os fatores higiênicos da empresa. Eles precisam ser satisfeitos, caso contrário, existem grandes chances de o time ter uma baixa performance.

Do outro lado, existem os fatores motivacionais. São eles que levam a satisfação e motivação do time. Fazendo novamente um paralelo com a pirâmide da motivação, eles representam os fatores de estima e autorrealização.

Ou seja, caso o líder consiga estimular esses elementos na equipe, a motivação e a performance irão melhor muito.

E você? Quais dos elementos mais chamou atenção?

Que fatores você pode começar a aplicar agora em seu time?

Desenvolver gestores e empresários, para que se tornem líderes, é parte do trabalho de um Coach Executivo.

Respondendo à pergunta inicial do artigo, acredito que o líder tenha o papel de cultivar um solo fértil para que os liderados possam florescer e atingir sua máxima performance.

Ao tomar consciência e aplicar os fatores motivacionais, é possível que líderes tenham muito mais resultados através da performance superior de suas equipes.

Ao ler até aqui, você tomou consciência dos principais fatores que influenciam a motivação do ser humano. Te convido agora a utilizá-los para que você seja um líder ainda melhor e para que tenha uma equipe, e uma organização, ainda mais produtiva.

*associado sênior na Sociedade Brasileira de Coaching, especializado em negócios, liderança e psicologia positiva.

Comentários