Carga está avaliada em mais de R$ 21 milhões (Foto: DOF/Divulgação)

O Departamento de Operações de Fronteira (DOF) apreendeu 11 toneladas de defensivos agrícolas contrabandeados, nesta terça-feira (12), em Maracaju. O motorista que fazia a transporte da carga foi preso em flagrante por contrabando e crime ambiental. Contra ele havia um mandado de prisão em aberto.

Durante patrulhamento na tarde de hoje, os policiais abordaram um caminhão boiadeiro na região do minianel viário de Maracaju, próximo ao acesso à MS-162.

No caminhão foram encontradas diversas embalagens de agrotóxicos contrabandeados do Paraguai. Foram apreendidos 11.030 mil quilos de agrotóxicos na carroceria.

O caminhoneiro, de 35 anos, disse que pegou o veículo já carregado em Ponta Porã e deixaria em um posto de combustível em Maracaju, onde receberia R$ 1,5 mil pelo transporte. 

Ele ainda relatou que durante o trajeto, se comunicava através de radiocomunicador, com uma outra pessoa que realizava a função de batedor.  

Os policiais militares não localizaram o batedor.

Em checagem, foi constatado um mandado de prisão em aberto em desfavor ao motorista e o veículo e material apreendido foram encaminhados à Polícia Federal de Dourados.  

A carga foi avaliada pelo DOF em mais de R$ 21 milhões. Também foi considerada como a maior apreensão do ano, no Brasil.

Comentários