(Foto: Prefeitura Dourados)

Idosos com 60 anos ou mais que ainda não tomaram a Dose 1 da vacina contra a Covid-19 podem se vacinar no “drive-thru repescagem” que será realizado pela Prefeitura de Dourados, através da Sems (Secretaria Municipal de Saúde), no Corpo de Bombeiros da avenida Presidente Vargas, neste domingo (2).

A imunização acontecerá com doses da vacina Astrazeneca. A vacinação no sistema drive-thru é mais rápida e os idosos com 60 anos ou mais não precisam descer do carro. É obrigatória a apresentação de documento com foto e comprovante de residência para fins de controle e fiscalização da aplicação das vacinas.

As doses de Coronavac recebidas pelo município foram destinadas para uso obrigatório nos Pólos Base do Distrito Sanitário Especial Indígena, segundo determinação da Secretaria Estadual de Saúde.

Dúvidas comuns

Posso tomar a Dose 2 da vacina no drive-thru?

Não. A aplicação das Dose 2 acontecem somente no CCI (Centro de Convivência do Idoso) Andre Chamorro, de segunda à sexta, em horário comercial.

Tenho 59 anos. Posso tomar a vacina no drive-thru?

Não. Como o número de doses é limitado, não é possível imunizar grupos que ainda não tiveram a campanha de vacinação iniciada.

Sou de outra cidade, posso tomar a vacina no drive-thru em Dourados?

Não. As doses enviadas para Dourados são para as pessoas que residem no município. Se você não reside em Dourados, é preciso esperar para tomar a vacina em sua cidade.

Tomei a Dose 1 da Coronavac e não consegui tomar a Dose 2. O que devo fazer?

É preciso esperar a chegada do novo lote de vacinas Coronavac. A previsão Ministério da Saúde é que novas doses sejam enviadas entre os dias 8 e 10 de maio. Segundo a SES (Secretaria de Estado de Saúde), não há prejuízos para a imunização esperar além dos 28 dias entre a 1º e 2º doses.

Tenho uma recomendação médica para tomar a vacina contra a Covid-19, mas ainda não me encaixo nos grupos prioritários que já estão sendo vacinados. Posso procurar uma unidade para me vacinar?

Não. Mesmo com recomendação médica, é preciso aguardar o início da vacinação para o grupo o qual você faz parte.

Comentários