Comércio da Capital. (Foto/Divulgação)

Dentre as mudanças o destaque é para Dourados que passa para bandeira laranja

Foi reforçado por meio de live realizada na manhã desta quarta-feira (21), pela Secretaria de Estado do Mato Grosso do Sul (SES), o novo embandeiramento proposto pelo Programa de Saúde e Segurança na Economia (Prosseguir), que determina o funcionamento de atividades econômicas essências e não essenciais. As informações foram divulgadas pela Secretária Adjunta Christine Maymone.

As novas ações são constituídas com base nos dados colhidos durante as última duas semanas, com indicadores que permitem elaborar as melhores medidas a serem seguidas pela população.

As notícias são relativamente boas, com destaque para o predomínio da cor laranja na maior parte do Estado, sendo está a coloração que retrata situação de contágio moderada do vírus. São 45 cidades a apresentar evolução positiva.

Durante live titulares da saúde reforçam orientações do novo mapa Prosseguir

Os munícipios vermelhos ainda estão presentes, entre eles a Capital, que permanece em grau alto para risco de proliferação do vírus, além de Corumbá que retrocedeu, já que estava com a cor laranja no último Prosseguir divulgado. A vigência das orientações decem ser respeitadas de 22 de julho a 4 de agosto.

Já a segunda maior cidade do Estado, Dourados, sai da classificação de alto risco passando a operar com a bandeira laranja, grau médio. As orientações incluem evitar não essenciais de alto risco, como eventos, festividades e locais públicos e provados que possam gerar aglomeração.

Quanto ao toque de recolher permanece em vigor de julho que determina circulação de pessoas permitida entre às 23h e 5h da manhã.

O novo mapa traz também cinco municípios com bandeira amarela, sedo estes Douradina, Jateí, Novo Horizonte do Sul, Rochedo e Taquarussu. Extinguindo as bandeiras cinzas em Mato Grosso do Sul.

Comentários