A Delegacia Especializada de Repressão aos Crimes de Fronteira (Defron), divulgou o resultado da Operação Fronteira Segura, ocorrida ontem (21), com prisão de seis traficantes e a apreensão de cerca de duas toneladas de maconha, nas cidades de Aral Moreira e Ponta Porã, na fronteira com o Paraguai.

A primeira ação foi em Aral Moreira, quando foram aprendidos 1.750 toneladas da droga, além de duas caminhonetes no bairro Ipê. No imóvel, foram presos três traficantes, de 49, 52 e 21.

Segundo o delegado da Defron, Rodolfo Daltro, o entorpecente foi achado na carroceria de uma caminhonete, embaixo de um móvel e no forro da residência. 

Já em Ponta Porã, a Defron com o apoio de policiais do 1º Distrito Policial, identificou uma serralheria instalada no Bairro da Granja que funcionaria um entreposto de armazenamento e distribuição de drogas.

Foram presos outras três pessoas, de 39, 21 e 29 anos. Com eles, foram apreendidos 550 quilos de maconha e um automóvel VW Voyage, produto de furto em Campo Grande, com placas falsas de origem paraguaia.

Todos os presos foram autuados em flagrante pela prática de tráfico de drogas e associação para o tráfico, além da receptação para os flagrados na serralheria em Ponta Porã.


 

Comentários