Foto/Divulgação

Segundo a justiça eleitoral, José Marcos Alves teria R$ 2,9 milhões em bens declarados e mesmo assim se cadastrou para receber o benefício de R$600 do governo

O ex-vereador e candidato a vice-prefeito derrotado nas eleições de 2016 em Rio Negro, José Marcos Alves aparece na lista de beneficiados do auxílio emergencial no valor de R$ 600. E segundo a Justiça Eleitoral, o mesmo teria R$ 2,9 milhões em bens declarados.

Entre os bens declarados estão: duas casas de R$ 250 mil e R$ 650 mil, dois veículos que ultrapassam R$ 70 mil, um prédio comercial no valor de R$ 450 mil, e ainda R$ 57 mil em conta bancária.

Outro caso

A primeira-dama do município de Rio Negro, Camila Alves de Freitas de 27 anos, registrou recentemente um boletim de ocorrência, pois segundo ela usaram seus dados para obter o benefício do governo.

Quanto ao ex-vereador nenhum boletim foi feito até o momento e nenhuma declaração oficial sobre uso indevido de dados, ou se de fato, o benefício foi solicitado por José Marcos.

Comentários