Caso será registrado na Depac Centro. (Foto/Divulgação)

O trabalho ‘dignifica o homem’, mas pode o levar a morte ou a escapar por pouco em meio a violência que assola o País e em Campo Grande não é diferente, onde quase no fim da noite desse domingo (14), um motorista de aplicativo de 44 anos, além de perder seu carro, quase ficou sem vida. O trabalhador foi ferido a facadas ao atender uma corrida no bairro Jardim Centro-Oeste, região sul da Capital. Os bandidos o acertaram, mas ele conseguiu pular do veículo e escapar da morte. Os assaltantes, em quatro, fugiram levando o Renault Logan do motorista, que vamos preservar o nome para não ficar novamente exposto.

Conforme registro policial, a situação aconteceu as 22 horas, quando o motorista recebeu a solicitação de uma corrida, para ir até a Rua Marquês de Barbacena, do Centro Oeste. Ao pegar, os então ‘clientes’, foi lhe pedido ir até uma conveniência na rua Marajoara, onde chegando ao destino, os quatro autores pediram para que o motorista dirigisse por mais alguns metros.

De acordo com a vítima, um dos bandidos teria 15 anos, o outro ladrão seria baixo, com tatuagem nos dois braços e pernas e de cor parda. Um terceiro era magro, cabelos pintados de amarelo branco e magro.

À policia a vitima narrou os fatos apontando que ao parar o carro, após o comércio de onde partiu o pedido para seguir por mais algumas ruas, os criminosos anunciaram o assalto. A partir dai se inicio ainda a parte pior, sendo que um do quarteto aplicou um mata-leão nele, que também foi esfaqueada no braço e mãos.

Escapou

Conforme a vitima, ele conseguiu soltar o cinto de segurança e fugir se jogando do veículo. O motorista ferido e saltando do carro, os criminosos nem tiveram o trabalho de verificar a situação do homem. Eles devem ter achado que tinham ferido o motorista no pescoço, e fugiram deixando a vítima na rua.

O motorista pediu ajuda em uma casa na região, agentes da guarda municipal foram chamados e levaram o homem até uma unidade de saúde. O celular levado pelos bandidos foi localizado três quadras de onde ocorreu o assalto, jogado em meio a um matagal.

Comentários