(Foto: Divulgação)

Uma mulher, de 23 anos, foi baleada e um homem, 39, morreu durante tiroteio no início da noite de ontem (21), no Bairro Aero Rancho, em Campo Grande. O autor havia atirado na própria vizinha e com chegada da Polícia ele trocou tiros e acabou alvejado e perdendo a vida.

Segundo boletim de ocorrência, várias equipes da Polícia Militar, incluindo do Batalhão de Choque, foram empenhadas para atendimento de uma chamada, via 190, onde em uma residência na esquina das ruas Rua Agrolandia com a Charlote, um mulher baleada e o autor, seu vizinho, que saído de sua casa armado, empurrando uma motocicleta, disparando várias vezes a esmo.

Homem morre após atirar contra mulher e policiais no Aero Rancho
Arma utilizada pelo autor

Os tiros atingiram o braço esquerdo e na parte abdominal da mulher que estava sentada na varanda da casa com outras três pessoas.

Equipe do Choque chegou ao local, encontrando a vítima sendo socorrida à Santa Casa. Ela contou aos policiais que o autor estaria escondido na sua própria casa, momento que o homem abriu a porta da residência e fez disparos contra os policiais, sendo então, a agressão repelida.

Homem morre após atirar contra mulher e policiais no Aero Rancho
Marca de tiro na porta da casa do autor

Ainda de acordo com registro policial, os militares determinaram que o autor saísse do imóvel com as mãos na cabeça, porém não obtiveram resposta. Logo em seguida, duas pessoas saíram da casa, sendo eles os pais do autor.

Ao entrar na residência, os policiais encontraram o suspeito caído próximo a porta, sendo de imediato acionado socorro.

Equipe de resgate do Corpo de Bombeiros constataram que o homem estava já sem vida.

Na casa, foi apreendido um revólver calibre 32 com seis munições, sendo quatro deflagradas e outras duas que falharam. No interior de um fogão, também, foram localizadas cinco munições de calibre 38 e um coldre.

O caso foi registrado como homicídio decorrente de oposição a intervenção policial e tentativa de homicídio na Polícia Civil.

Comentários