O homem, de 22 anos, suspeito de ter matado Douglas Nascimento, de 23 anos, a facadas no início da noite desta segunda-feira (22) também foi morto em confronto com policiais no Núcleo Industrial Barra Mansa, em Água Clara.

Douglas foi morto ao tentar separar uma briga. Após a confusão, dois suspeitos saíram correndo atrás dele pela Avenida Waldemar Ferreira Lino, no Bairro Santos Dumont. A vítima levou uma facada nas costas e outra no pescoço e morreu na hora.

Um dos envolvidos foi preso logo após o ataque, enquanto o comparsa deu continuidade a fuga. Ele acabou sendo visto entrando em uma casa e lá foi montado um cerco com policiais militares e civis.

Segundo registro policial, foi determinado a saída do interior do imóvel, mas a ordem não foi acatada. Um oficial da PM acompanhado por um policial civil entraram na residência, momento que o criminoso tentou desferir golpes de faca contra o agente, sendo ele alvejado pelo militar, na defesa do colega. Mesmo ferido, o autor ainda tentou atacar o oficial da PM que efetuou novo disparo para cessar a agressão.

O suspeito foi levado para o hospital Municipal da cidade, contudo, os médicos atestaram o óbito. Com o autor foram apreendidas uma faca, uma porção de droga e mais tabletes de maconha.

Segundo a polícia, o autor do crime é natural do estado Alagoas e era conhecido por sua alta periculosidade.

Comentários