Hospital da Vida em Dourados. (Foto/Divulgação)

A decisão é para garantir a segurança de pacientes e colaboradores

A Secretaria Municipal de Saúdes, através da Funsaud (Fundação de Serviços de Saúde de Dourados), suspendeu a partir de hoje (20) as cirurgias eletivas na unidade, por tempo indeterminado. A medida se fez necessária por conta do alto número de contaminação por Covid-19 entres os colaboradores no HV. Cerca de 30 funcionários estão afastados.

São consideradas cirurgias eletivas aquelas que podem ser programadas, ao contrário dos procedimentos de emergência. Os pacientes já internados seguiram com o cronograma programado e os casos de cirurgias de urgência que entrarem pela porta também serão realizadas e nenhum paciente ficará desassistido.

“A decisão foi tomada em comum acordo com a Direção Técnica Médica e Direção Clinica, sendo uma medida de urgência para segurança dos pacientes assistidos na unidade”, explica o diretor da Funsaud, Jairo José de Lima.

Comentários