O papel do fisioterapeuta na pandemia de Covid-19 será o tema da live promovida pela Câmara Municipal de Campo Grande nesta quarta-feira (26), às 10h30. A live é organizada pela Comissão de Saúde da Casa de Leis, composta pelo vereador Dr. Sandro Benites (presidente), Dr. Victor Rocha (vice-presidente), vereadores Dr. Jamal, Tabosa e Dr. Loester como membros. Será transmitida pelo Facebook e pelo Youtube da Casa de Leis, por onde o público poderá encaminhar perguntas e sugestões que serão respondidas pelos participantes.

Nesta quarta-feira, participa do debate o presidente do Conselho Regional de Fisioterapia e Terapia Ocupacional da 13ª Região (CREFITO 13), Renato Silva Nacer. Ele é fisioterapeuta, especialista em Ciências do Envelhecimento Humano, mestre e doutor  em Tecnologia e Saúde pelo programa de Pós-Graduação em Saúde e Desenvolvimento na Região Centro-Oeste, da Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (UFMS). Atualmente é coordenador, docente e pesquisador do curso de Fisioterapia da UNIGRAN Capital e coordenador estadual da Associação Brasileira de Ensino em Fisioterapia (Abenfisio-MS). A live também contará com as contribuições do fisioterapeuta Cristiano Luiz Campos Mendes, especialista em Fisioterapia Cardiopulmonar e Docente do Curso de Pós-Graduação pela Faculdade Inspirar.

Durante a live, também são repassadas informações com atualização dos dados de casos confirmados, internações e mortes pela doença, além dos decretos com as medidas adotadas para tentar garantir distanciamento social. Neste ano, os vereadores já debateram, com a presença de convidados, a adoção de medidas restritivas como forma de conter a transmissão do Covid-19, os impactos da pandemia na saúde mental, a importância da atividade física para prevenção e recuperação do coronavírus, as atualizações e protocolos para tratamento da doença, a reabilitação de pacientes com sequelas pós-Covid-19, a volta às aulas na rede municipal de ensino e a saúde da mulher no pós-pandemia. Os debates iniciaram ainda no ano passado, com orientações à população. 

Dados 

Boletim divulgado na segunda-feira (24), pela Secretaria Municipal de Saúde (Sesau), aponta 101.978 casos confirmados de Covid-19 em Campo Grande  desde o início da pandemia. Foram 2.739 mortes pela doença. Ainda, 456 pacientes permanecem internados, sendo 209 em leitos de UTI (Unidade de Terapia Intensiva) e 9 em Pronto Atendimento Médico (PAM). 

Atualmente, quase 30% da população de Campo Grande recebeu a primeira dose da vacina contra a Covid-19. Nesta terça-feira (25), ocorre a aplicação da segunda dose de Coronavac-Sinovac-Butantan para pessoas que se vacinaram nos dias 6, 7, 8, 9 e 10 de abril, conforme divulgado pela prefeitura. Além da segunda dose de Coronavac, também estará sendo realizada à aplicação de reforço para pessoas que tomarar a primeira dose de Astrazeneca até o dia 25 de março.

Comentários