Foto/Divulgação

Não tem sido fácil para o brasileiro, um povo tão apegado a fé, se deparar com os templos fechados. Uma pesquisa do Instituto Real Time Big Data divulgada nesta quinta-feira (30) ouviu pessoas de todas as regiões do país sobre igrejas e o isolamento social.

Quando perguntadas sobre a situação dos espaços religiosos na pandemia, 61% disseram ser a favor da abertura. No momento, 336 prefeituras do país mantêm os locais interditados, desobedecendo um decreto federal que considerou as atividades religiosas um serviço essencial à sociedade.

O site Enfoque MS quer ouvir qual a sua opinião sobre o assunto: Os templos religiosos devem funcionar livremente ou devem ser fechados? Lembrando que em Campo Grande, as igrejas podem funcionar durante à pandemia com o número de fieis reduzidos. Pois, são considerada atividades essenciais na sociedade.

Com informações do R7

Comentários