Secretário da saúde chama a atenção para os picos de aumento da doença e alerta que isso é reflexo da falta de distanciamento social

17/04/2020 10h42
Por: Suelen Morales

Mato Grosso do Sul registrou nesta sexta-feira (17), 12 novos casos confirmados do novo Coronavírus, com isso são 143 pessoas infectadas em todo o Estado. A Secretaria de Estado de Saúde (SES) monitora outros 28 casos suspeitos. As informações estão no boletim epidemiológico divulgado hoje em coletiva de imprensa online com autoridades do governo do estado.

Nas últimas 24 horas foram 12 novos casos, cinco em Três Lagoas, dois em Campo Grande, dois de Mundo Novo, um de Dourado e um de Nova Andradina.

Dos 143 casos confirmados, 67 estão em isolamento domiciliar, 39 já finalizaram a quarentena e estão sem sintomas. 20 estão internados, sendo nove em hospitais públicos e 11 em hospitais privados (todos em UTI). E ainda, 12 tiveram alta hospitalar.

Desde o dia 25 de janeiro, foram registradas 1.111 notificações de casos suspeitos do coronavírus em Mato Grosso do Sul. Destes, 919 foram descartados após os exames darem negativo para Covid-19 e 21 foram excluídos por não se encaixarem na definição de caso suspeito do Ministério da Saúde e cinco óbitos.

Os 28 casos suspeitos em investigação tiveram as amostras encaminhadas para o Lacen/MS, onde será feito o exame para nove tipos de vírus respiratórios, incluindo influenza e Coronavírus. O Lacen/MS realiza os exames para Covid-19 em Mato Grosso do Sul. Os resultados ficam prontos entre 24h a 72 horas, após o recebimento das amostras.

A Secretaria de Estado de Saúde publica o boletim epidemiológico referente às notificações de casos suspeitos de coronavírus (Covid-19) diariamente. As informações divulgadas pela Secretaria são os dados oficiais consolidados do Estado que são repassados ao Ministério da Saúde. Acompanhe os boletins periódicos no link: http://www.vs.saude.ms.gov.br.

A secretaria-adjunta de Saúde, Christine Maymone, afirmou somente nesta semana houve três picos de aumento acima de 10 pessoas infectadas no Estado. O que preocupa as autoridades.

Já o secrátario de saúde, Geraldo Resende, fez um alerta à população de Três Lagoas para manterem o distancimaneto social, já que os números de casos vem crscendo no município. “Identificamos o caso de uma criança de dois anos, que provavelmente pegou o vírus dos pais. Por isso o nosso apelo”, disse.

Divulgação

Comentários