Divulgação/ PRF

Três mulheres, sendo duas brasileiras de 24 e 20 anos e uma boliviana, que não teve a idade revelada, foram presas por tráfico de drogas, pela Polícia Rodoviária Federal (PRF), entre ontem (7) e hoje (8) na BR-262. Com elas, foram apreendidos 10,5 quilos de cocaína.

As duas brasileiras foram as primeiras abordadas, segundo site Diário Corumbaense. Elas viajavam em um carro de aplicativo, Renault Logan, que foi abordado, na noite de quinta-feira. Durante a ordem de parada, as mulheres levantaram suspeitas porque caminhavam com certa dificuldade. A equipe desconfiou que algum ilícito estivesse preso junto ao corpo das suspeitas e elas acabaram confessando que estavam mesmo transportando tabletes de droga.

Foram apreendidos quatro quilos de pasta base e dois quilos de cloridrato de cocaína.

Questionadas, elas disseram ter recebido o entorpecente em Corumbá e viajariam até Campo Grande, onde a droga seria entregue. Pelo transporte, uma disse que receberia R$ 1,5 mil. A outra não quis dizer nada. Ambas foram levadas para a Polícia Civil de Miranda.

Já a boliviana foi flagrada em um ônibus de viagem, na madrugada desta sexta-feira (08), que fazia a linha Corumbá para Campo Grande. Ao realizarem revista nas bagagens, que ficam no compartimento do ônibus, os agentes da PRF, descobriram uma mala com fundo falso, onde estavam escondidos 4,5 quilos de cocaína.

A dona da mala, ao ser identificada, declarou ter pego a droga na Bolívia e deveria entregá-la em Campo Grande. Pelo serviço, disse que receberia cerca de R$ 200. Ela e o entorpecente foram encaminhados para a Polícia Federal da Capital. 

Comentários