Fronteira

PMR prende mulher por tráfico de arma e munições de guerra

Foram encontrados no interior do veículo, um fuzil AK-47, 19 carregadores e cerca de 2,5 mil munições de calibres variados, inclusive de .50, utilizada em fuzil de alta precisão.

 

18/11/2018 15h14
Por: Redação

 

A Polícia Militar Rodoviária (PMR) prendeu no final da manhã deste domingo (18), uma mulher de 28 anos, transportando um fuzil AK-47, além de 19 carregadores e cerca de 2,5 mil munições de calibres variado, inclusive do calibre .50, utilizado em arma de grande precisão.

Segundo a PMR, uma equipe parou uma S-10 de placas de Jatai (GO), conduzida pela mulher que estava acompanhada pela sua filha de apenas cinco anos, na MS-164, no Distrito de Vista Alegre, em Maracaju.

Em vistoria no interior do veículo foram encontrados outras duas placas veiculares, de Jussara (GO), pertencentes a um veículo de mesma marca e modelo, sendo que nenhuma das placas consta ocorrência de roubo/furto de veículo. Entretanto o número do motor, aparentemente estava danificado para dificultar a identificação.

Após intensificação da busca veicular, os policiais encontraram a arma e munições, escondidas em vários locais, ocultos.

Entre as munições, foram apreendidas do calibre .50, utilizada em fuzil, capaz de abater aeronaves e que vem sendo usadas por facções criminiosas, em assaltos à carros fortes.

Questionada, ela disse que é residente em Campo Grande e estava de visita a sua mãe em Ponta Porã, quando recebeu uma ligação de um desconhecido, ofertando a possibilidade de retornar em um veículo particular, invés de ônibus.

Ela informou que o homem teria orientado a mesma para pegar o carro em um posto de combustíveis e deixa-lo na Capital, onde seria vendido a um comprador. As chaves estavam no contato, segundo a autora.

A suspeita completou, dizendo que não sabia da existência do armamento e que não receberia nenhuma vantagem financeira pelo transporte do veículo. Ela foi levada para a Polícia Civil de Maracaju.