Um homem pratica um homicídio, sequestra outras duas vítimas, mas acabou preso pela PC-MS (Polícia Civil de MS) em Mundo Novo, município fronteiriço, no extremo sul de Mato Grosso do Sul. A PC, anunciou nesta terça-feira (23), que conseguiu elucidar, ontem, um homicídio contra Fernando Carlos Batista, que ocorreu na semana passada, dia 18, naquela cidade a 480 km de Campo Grande. Além de prender os autores deste crime, os policiais civis apreenderam drogas e arma de fogo.

Conforme a PC-MS, os investigadores prenderam um casal, suspeito de serem autores do crime de homicídio que vitimou Fernando Carlos Batista, de 42 anos, na último quinta-feira (18).  “Após trabalhos investigativos realizados durante todo o final de semana, os autores foram identificados, tendo o delegado de polícia responsável pelas investigações, representado pela prisão temporária deles, o que foi acatado pelo Poder Judiciário”, anunciou a PC.

Nesta segunda-feira (22), pela manhã, os policiais conseguiram dar cumprimento a um dos mandados, expedido contra a mulher de 22 anos. Em um primeiro momento, seu companheiro não foi encontrado. As diligências seguiram e a tarde, os investigadores receberam a notícia de um sequestro relâmpago, tendo como vítima uma de 41 anos e seu filho de apenas 12 anos.

De acordo com o apurado, o autor teria pulado o muro de uma residência no bairro Universitário de Mundo Novo e se utilizando de uma arma branca, exigiu que a vítima realizasse transferência bancária (PIX) para uma conta informada. O autor ainda permaneceu por cerca de 3 horas mantendo as vítimas reféns.

PC identificou e ‘correu atrás’

A polícia em posse das características do sequestrador, os investigadores perceberam tratar-se do mesmo suspeito de praticar o homicídio no dia 18. Diante disso, por volta das 17h30, de ontem, os policiais conseguiram prender o suspeito de 28 anos, que durante a abordagem estava portando aproximadamente 50 gramas de cocaína.

À polícia, ele confessou ter praticado o sequestro e informou que teria adquirido a droga com o dinheiro deste crime. Em continuidade aos trabalhos investigativos, o traficante também foi identificado e realizada busca em sua residência, sendo que no local localizaram mais de 2Kg de cocaína e maconha, além de uma arma de fogo.

Além disso, foi apreendida grande quantidade de dinheiro, sendo que parte dele, era proveniente do sequestro. O dinheiro foi apreendido e restituído a vítima.

Comentários