Pistoleiro matou um homem de 41 anos na tarde de hoje (13), na cidade fronteiriça de Ponta Porã. Nilton Cézar Ajala Lima tomava sorvete com um amigo, em uma sorveteria na rua João Pessoa na Vila Áurea.

De acordo com site MS em Foco, a vítima ao perceber a presença do executor, saiu correndo para os fundos da sorveteria onde tem uma residência na tentativa de escapar, mas foi perseguido e morto com diversos tiros de pistola 9 milímetros. O amigo conseguiu fugir. Seu nome não foi revelado pela polícia.

O Corpo de Bombeiros ainda foi acionado, mas os socorristas apenas contataram a morte de Nilton César.

Policiais militares e civis estiveram no local e o delegado Alcides Bruno Braun do Primeiro Distrito Policial acompanhou a perícia e vai ouvir a testemunha e vítima de tentativa de homicídio que está protegida sob custódia dos policiais e que poderá dar pistas sobre o assassino e os motivos do crime.

De acordo com site da fronteira, Nilton Cézar foi a terceira ou quarta pessoa da família assassinada somente este ano, por pistoleiros na região de fronteira.

Comentários