Foto: PCMS

Foi preso pela Seção de Investigações Gerais da Polícia Civil de Aquidauana o segundo homem responsável pela morte de Tibério Ribeiro Amarilho, de 35 anos. O acusado, de 20 anos, estava na cidade de Campo Grande quando foi capturado.

De acordo com as informações, Tadeu, que é natural de Santo Antônio das Missões (RS) foi morto na última segunda-feira (18) e teve o corpo enterrado em uma vala rasa nas imediações de um sítio abandonado no distrito de Cipolândia, em Aquidauana.

O cadáver foi encontrado após informações anônimas de que um homem teria sido assassinado e enterrado naquela região. O exame necroscópico concluiu que a vítima foi esgorjada, ou seja, teve a região anterior (frente) do pescoço cortada, levando à morte por asfixia e aspiração do próprio sangue, e, depois, foi parcialmente carbonizada para ocultar a identidade.

Segundo a investigação, a vítima estava há poucos dias na cidade trabalhando na montagem de um silo de armazenamento de grãos em uma fazenda da região. Dois dias depois a polícia identificou os culpados, sendo três homens: um morador do distrito e os outros dois de Terenos.

Até o presente momento, um suspeito permanece foragido. Os indiciados responderão por homicídio qualificado e destruição e ocultação de cadáver. A polícia ainda não sebe qual teria sido a motivação para o assassinato.

Comentários