Publicado em 10/11/2017 19h23

Policial ambiental atira em pescador que invadiu rádio para agredi-lo após entrevista

Comandante da PMA registrou boletim de ocorrência por ameaça de morte. Caso será investigado pela Polícia Civil e um inquérito militar será aberto.

G1 MS

O comandante da Polícia Militar Ambiental (PMA), tenente Anderson Ortiz, atirou contra um pescador que teria invadido uma rádio de Coxim, município na região norte de Mato Grosso do Sul, e começou a agredi-lo depois de uma entrevista na tarde desta sexta-feira (10).

A assessoria da PMA informou que o tenente deu um tiro de contenção na perna do pescador e chamou o socorro.

De acordo com a Polícia Civil, que investigará o caso, o motivo da briga foi o fechamento de baías da região utilizadas pelos pescadores. A polícia ainda informou que o próprio comandante da PMA registrou boletins de ocorrências por ameaças de morte.

O pescador atingido pelo tiro foi encaminhado ao hospital da cidade e não corre risco de morte. Além da Polícia Civil, será aberto um inquérito militar para apurar o fato.

Policial ambiental atira em pescador que invadiu rádio para agredi-lo após entrevista

Comentários