30.8 C
Campo Grande
sexta-feira, 19 de julho, 2024
spot_img

Preço da cerveja vai aumentar a partir de sexta-feira, anuncia empresa dona de várias marcas

Ambev vai aumentar o preço de seus produtos e, segundo a associação de bares e restaurantes, este valor será repassado ao consumir imediatamente

O preço da cerveja vai aumentar no Brasil a partir de outubro. A Ambev, dona das marcas Brahma, Skol e Stella Artois, confirmou que vai aumentar os preços de seus produtos e repassará o reajuste a lojistas e distribuidores. 

Via assessoria de imprensa, a empresa afirmou que os novos valores serão praticados já em outubro, a partir de sexta-feira (1º), e que faz, periodicamente, ajustes nos preços de seus produtos. Não deu, no entanto, nenhum outro detalhe. “A Ambev faz, periodicamente, ajustes nos preços de seus produtos e as mudanças variam de acordo com as regiões, marca, canal de venda e embalagem”, disse a empresa

De acordo com a Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel), os associados informaram que o aumento virá ‘”alinhado com a inflação acumulada nos últimos 12 meses, que gira em torno de 10%”.

Apesar da empresa não divulgar valores oficiais, uma sondagem junto a comerciantes de Campo Grande, as bebidas ficarão entre R$ 0,30 e R$ 0,50 mais caras.

Questionada pela reportagem, a Heineken disse não ter previsão de reajuste no último trimestre do ano e que “revisões na tabela de preços estão relacionadas à dinâmica natural do mercado brasileiro.” Já o Grupo Petrópolis, não se manifestou sobre o tema.

Fale com a Redação