Presidente Paulo Corrêa e presidente da Fiems visitaram a sede do Instituto Butantan. (Foto/Divulgação)

Reafirmando o compromisso pela imunização de toda população, o presidente da Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul (ALEMS), Paulo Corrêa (PSDB), solicitou ao governador de São Paulo, João Doria (PSDB), o envio de doses extras da vacina Coronavac a Mato Grosso do Sul.

Acompanhado do presidente da Federação das Indústrias de Mato Grosso do Sul (Fiems), Sérgio Longen, e do vice-presidente, Roberto Faé, Paulo Corrêa visitou a sede do Instituto Butantan na última quarta-feira (21) e conheceu de perto um pouco mais sobre o processo de produção do imunizante, bem como da ButanVac, primeira vacina produzida integralmente no Brasil, e que já obteve autorização da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) para testes. 

Presidente da ALEMS visita Butantan e solicita doses extras da Coronavac
Paulo Corrêa também visitou a Assembleia Legislativa de SP 

Foto: Alesp

Além da visita ao Butantan, o presidente cumpriu agenda oficial na Assembleia Legislativa de São Paulo (Alesp) e foi agraciado com uma réplica do Monumento às Bandeiras, entregue pelo presidente daquela Casa de Leis, deputado Carlão Pignatari (PSDB), que esteve em Mato Grosso do Sul no início do mês (clique aqui). 

A convite do governador João Doria, O parlamentar também esteve no Palácio dos Bandeirantes, sede do Governo paulista, onde foi recebido pelo ex-presidente da Alesp e atual chefe da Casa Civil, Cauê Macris.

“Foram agendas muito produtivas, pudemos estreitar laços em benefício da população de ambos os estados, ainda mais neste momento em que a colaboração e o trabalho conjunto, pelo bem do Brasil, é que vão nos fazer superar os enormes desafios que temos pela frente”, pontuou Corrêa.

Mato Grosso do Sul permanece entre os estados que mais rapidamente vacinam a população. Já foram aplicadas 2.163.809 doses contra a Covid-19, conforme boletim da Secretaria Estadual de Saúde (SES) atualizado às 05h30 desta quinta-feira (22). Do total da população do Estado, 29,88% já estão imunizados com a segunda ou dose única. 

Comentários