(Foto: MS em Foco)

Dois presos renderam uma funcionária e fugiram pela porta da porta da frente do Presídio Ricardo Brandão em Ponta Porã, no início da noite de ontem (2). A fuga ocorreu por volta de 18h.

Os dois presos, Nédio Marques Brito Filho e Celso Gonçalves Sanguiná, que trabalhavam na cantina renderam uma funcionária e a fizeram refém em meio a ameaças tomando em seguida a direção da saída principal do presídio, segundo o site MS em Foco.

Com a mulher rendida com uso de arma branca (faca ou chuncho) eles chegaram ao portão principal e fugiram. 

Na rua do presídio estava estacionada uma caminhonete aparentemente branca na qual a dupla embarcou tomando rumo ignorado.

Nédio e Celso trabalhavam na cantina do presídio. Um outro preso teria fugido na sequência, entretanto, nem a identidade do detento ou as circunstâncias da terceira fuga foram divulgadas até o momento.

Imagens de dois dos presos foram divulgadas para facilitar na identificação, caso algum morador se depare com os presos pela cidade.

Uma nova fuga foi tentada pelos fundos do presídio, logo em seguida a dupla ter fugido. A ação foi repelida por agentes penais que precisaram fazer disparos de armas sendo ouvido barulho de muitos tiros dentro do presídio.

Agentes Penais de folga foram convocados às pressas bem como apoio da Polícia Militar que mantém equipes no entorno do presídio.

De acordo com o site Pontaporãnews no momento dos tiros pessoas passavam normalmente pelo local indo ou voltando do Centro de Convenções onde acontece a vacinação contra covid-19.

Comentários