Torre de telefonia móvel e internet. (Foto/Divulgação)

O Procon-SP informou que notificou a empresa Claro S/A pedindo esclarecimentos sobre notícias veiculadas na imprensa informando falhas em seus canais de atendimento. Segundo o órgão, consumidores relataram dificuldades para realização de recarga de celular, bloqueio de linhas móveis em caso de roubo, entre outros.Procon-SP notifica Claro sobre falhas em seus canais de atendimentoProcon-SP notifica Claro sobre falhas em seus canais de atendimento

“A empresa deverá explicar por quais razões os consumidores ficaram impossibilitados de entrar em contato com a operadora, que tipos de atendimentos foram afetados e prejudicados, por quanto tempo perdura o problema, quais providências foram adotadas para solução das demandas, além de esclarecer qual plano de ação foi adotado para ressarcimento dos valores relativos aos serviços não prestados”, disse o Procon-SP em nota.

Também em nota, a Claro informou que “houve uma instabilidade sistêmica, que já foi solucionada, e os serviços de atendimento ao cliente que foram impactados já estão funcionando normalmente. A operadora reforça que os serviços de voz, dados móveis, banda larga fixa e TV por assinatura não foram afetados pela instabilidade.”

Fonte: Agência Brasil

Comentários