Reunião realizada na prefeitura de Dourados. (Foto/Divulgação)

Solenidade de assinatura será realizada na sexta-feira

Nesta sexta-feira (7), a Prefeitura Municipal de Dourados assina contrato com o Sebrae/MS para adesão ao programa Cidade Empreendedora. Com protocolos de biossegurança, incluindo o distanciamento social e a exigência do uso de máscaras, a solenidade será realizada na sede da regional do Sebrae no município, às 11h, e conta com a presença dos membros do Conselho Deliberativo do Sebrae/MS.

Na mesma data, também assinam contrato os gestores dos municípios de Amambai, Novo Horizonte do Sul e Rio Brilhante. Junto com os municípios que aderirem ao programa, o Cidade Empreendedora visa transformar a economia e promover o desenvolvimento local a partir do fortalecimento dos pequenos negócios, gerando emprego e renda.

As cidades serão acompanhadas pelo Sebrae/MS durante 15 meses e o trabalho vai ser desenvolvido a partir dos diferenciais competitivos de cada local, como a área de Comércio e Serviços, Agricultura Familiar, Turismo e Inovação.

Em Dourados, o eixo competitivo escolhido é Cidade de Negócios que envolve análises, planejamento e entregas estratégicas para alavancar o município por meio do empreendedorismo. No ranking estadual, a cidade aparece em segundo lugar no quesito densidade empresarial, de acordo com dados da Receita Federal de 2021. Quando se fala em pequenos negócios são 23.631, entre micro empreendedores individuais (MEI), micro empreendedores (ME) e empresas de pequeno porte (EPP).

Segundo o presidente do Conselho Deliberativo do Sebrae/MS e titular da Secretaria de Estado de Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Produção e Agricultura Familiar (Semagro), Jaime Verruck, o programa irá fortalecer o empreendedorismo, por meio deste pequeno empresário, além de auxiliar na desburocratização das gestões municipais.

“O foco principal do programa é o nosso pequeno empresário, são as compras públicas desses municípios, é a desburocratização, é a melhoria do ambiente de negócios, gerando o desenvolvimento econômico não só das regiões, mas do estado de Mato Grosso do Sul como um todo. Assim, o Sebrae cumpre a sua missão. Fomentando a capacidade empreendedora e o fortalecimento dos pequenos negócios, além de ajudar o poder público, como instrumento de desenvolvimento econômico”, ressaltou Jaime Verruck.

Cidade Empreendedora 2021

Nesta edição do programa, além das quatro cidades da região Sul que assinam contratos na data da cerimônia, outras15 também já aderiram ao programa. De acordo com o diretor-superintendente do Sebrae/MS, Claudio Mendonça, o Cidade Empreendedora atua em duas linhas: uma voltada para promover a melhoria no ambiente de negócios no âmbito das políticas públicas e a outra direcionada para auxiliar e propor soluções ao pequeno empresário. Juntas, as estratégias vão possibilitar o desenvolvimento de cada cidade.

“É transformação. Esse é o nosso grande papel dentro desses municípios. O objetivo maior do programa é desenvolver a cidade através do fortalecimento do pequeno negócio. Nós precisamos fortalecer o empreendedor local para que ele possa fazer com que o dinheiro gire na cidade. A principal rua do comércio de cada um desses municípios tem a possibilidade de gerar mais emprego do que qualquer grande negócio que chegue por lá. Nós queremos valorizar um por um desses pequenos negócios que existem nos municípios”, enfatizou Cláudio.

As ações do Cidade Empreendedora são executadas a partir de um plano de desenvolvimento econômico. Em Dourados, dentre as iniciativas para fomentar a geração de emprego, renda e oportunidades de negócios, estão a desburocratização dos processos para a abertura e alterações de empresas; incentivos às compras locais; promoção de uma cultura empreendedora e a inovação nas escolas; melhorias na Sala do Empreendedor; estímulo ao desenvolvimento empresarial; e formação de lideranças que exerçam uma gestão pública empreendedora.

A partir das ações previstas, o programa visa promover o círculo virtuoso da economia e, por meio disso, aumentar a geração de riquezas por parte do município que já é destaque no ranking estadual. No último levantamento feito pela Semagro, em 2018, Dourados aparece como a terceira cidade de Mato Grosso do Sul com o maior volume do Produto Interno Bruto (PIB), com um total de R$ 8,6 bilhões. A maior contribuição setorial foi na área de Comércio e Serviços que representou quase 76%, em seguida aparece Indústria com 15% e a Agropecuária com quase 9%.

Serviço

Assinatura de contrato Cidade Empreendedora – Região Sul

Data: 07-05-2021

Horário: 11h

Comentários