11/01/2020 15h37
Por: Redação

A Associação de Produtores de Soja e Milho de Mato Grosso do Sul, avaliou com satisfarória o plantio da soja, mesmo com o atraso em decorrência da estiagem. Houve ainda uma projeção de aumento de 6,8% na produção de grãos em Mato Grosso do Sul para a safra 2019-2020, de acordo com dados da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab).

“Teremos uma safra pujante. As chuvas tem ocorrido de forma satisfatória e a expectativa mantém alta. Assim como a Conab, estimamos crescimento. Na produção devemos ter um incremento de 12,5% e na área estimamos que a soja ocupou 6,18% a mais, em relação à safra passada”, afirmou o presidente da entidade, André Dobashi.

Os dados mencionados por ele são oriundos do Sistema de Informações Geográficas do Agronegócio (Siga/MS) e indicam que a produção do grão deve ficar acima da média obtida na última safra. Para Dobashi, o desempenho é decorrente da importância dada pelos agricultores aos critérios técnicos e as entidades de pesquisa têm grande participação nos resultados.

Na última quarta-feira (8), levantamento divulgado pela Conab trouxe MS com média de crescimento acima dos 2,5% previstos para o País e com melhor desempenho da região Centro-Oeste. Os números divulgados registraram novo recorde nacional da série histórica e são referentes ao quatro levantamento da Conab para a safra atual.

Soja superou atraso no plantio e com projeção de aumento da área plantada em MS

Comentários