25.8 C
Campo Grande
domingo, 3 de março, 2024
spot_img

Superlotada na área ortopédica, Santa Casa pede ‘atenção e cuidado’ para evitar acidentes neste carnaval

Em nota à imprensa nessa segunda-feira (12), a direção da Santa Casa de Campo Grande, que também é o maior hospital público de todo o Mato Grosso do Sul, informou que está enfrentando um quadro de superlotação nas internações.

Os números apontam que são 110 pacientes hospitalizados na área da ortopedia, dos quais 40 aguardam vagas cirúrgicas. “Estamos diante de um desafio complexo. Infelizmente, não temos a capacidade de atender a todos simultaneamente”, cita a nota. 

A direção frisou que os casos estão chegando de diversos pontos do estado, o que agrava ainda mais a situação. “A tendência é de piora, e estamos cientes da necessidade urgente de medidas para aliviar essa pressão sobre nossa estrutura”, complementa. 

Os pacientes, em média, permanecem mais de 12 horas nos corredores, aguardando uma vaga na enfermaria. “Reconhecemos o desconforto e a ansiedade que essa espera pode causar, e estamos trabalhando incansavelmente para encontrar soluções”.

Na nota, a Santa Casa não disse nada sobre deixar de receber pacientes nesse momento, porém, pediu para a população evitar situações de riscos, acidentes e exageros durante os dias de Carnaval.

“Estamos cientes da gravidade da situação e reforçamos nosso compromisso em oferecer o melhor cuidado possível a todos os pacientes. Contamos com a compreensão e apoio de cada um de vocês nesse momento desafiador”, finaliza, ressaltando que o feriado deve ser de descanso, diversão e alegria.

Fale com a Redação