20.8 C
Campo Grande
terça-feira, 16 de julho, 2024
spot_img

Termina nesta quarta-feira prazo para emitir ou regularizar título de eleitor

Para votar nas eleições de 2024, que ocorrerão em outubro, o eleitor deve estar com o título regularizado. Para quem já fez o cadastro biométrico, o processo pode ser feito pela internet. Os eleitores que não têm biometria devem procurar os cartórios eleitorais presencialmente para resolverem suas pendências.

O prazo para a devida regularização eleitoral encerra nesta quarta-feira (8), exceto para Rio Grande do Sul, onde o prazo foi prorrogado por 15 dias — até 22 de maio, devido a tragédia climatica.

O atendimento presencial ocorre nos Cartórios Eleitorais. Em Campo Grande, o atendimento é realizado no Cijus (Centro Integrado de Justiça), que fica na Rua 7 de Setembro com a Avenida Calógeras (antigo Shopping 26 de Agosto) e na Central de Atendimento ao Eleitor, na Rua Delegado José Alfredo Hardman, n. 180, no Parque dos Poderes (antiga Rua do Diário).

Os endereços dos cartórios eleitorais do estado, bem como os postos de atendimentos, podem ser consultados aqui

Além do atendimento presencial, os eleitores podem usar o autoatendimento eletrônico. O serviço, no entanto, está bloqueado para quem não fez a biometria, como é o caso de quem vai emitir o título pela primeira vez.

A partir de quinta-feira (9), o cadastro eleitoral estará fechado para a organização da logística de votação das Eleições 2024.

O voto é obrigatório para eleitores alfabetizados de 18 a 70 anos. Quem tem de 16 a 18 anos, mais de 70 ou é analfabeto não é obrigado, mas pode votar se quiser. Quem tem 15 anos e vai completar 16 anos até a data do 1º turno da eleição já pode alistar e votar.

Documentos necessários

Compareça com um documento oficial de identificação com foto (exceto CNH, se for tirar o título), comprovante de residência no município (documento que comprove vínculo residencial ou afetivo ou familiar ou profissional ou comunitário ou de outra natureza que justifique a escolha da cidade). No caso de alistamento, ainda será necessário o comprovante de quitação militar para as pessoas do gênero masculino que completem 19 anos em 2024. 

Fale com a Redação