(Foto: Divulgação)

Um casal foi morto a tiros enquanto comemorava aniversário em uma choperia, na noite de ontem (26), em Pedro Juan Caballero, cidade paraguaia vizinha de Ponta Porã.

Luís Mateo Martínez Armoa, de 21 anos, morreu no local, enquanto a sua namorada, Anabel Centurion Mancuelo, de 22 anos, foi socorrida para o Hospital San Lucas, na cidade paraguaia, onde acabou falecendo em decorrência dos ferimentos.

Mais duas pessoas ficaram feridas, uma adolescente, de 16 anos, teve um ferimento na cintura e Rodrigo Martínez Delgado, de 21 anos, foi atingido na perna.

Tiroteio em choperia deixa um casal morto na fronteira

O crime

O casal Luís Mateo e Anabel, chegaram em uma choperia, localizada em uma área central da cidade, nas proximidades da Laguna, para comemor o aniversário de Anabel, quando os pistoleiros desceram de um carro atirando.

Mateo morreu o local, e sob a sua cabeça, foi encontrado um bilhete que teria sido escrito por integrantes do bando. “Favor não roubar. Ass: Justiceiros da Fronteira“, diz a mensagem em espanhol.

O jovem, supostamente era alvo do grupo de “Justiceiros da Fronteira”. Em perfil no Facebook, que supostamente seria de um integrante do bando, em 17 de julho, já havia ameaçado “cortar as mãos” de Luís Mateo por ele ter roubado celulares.

O rapaz é de nacionalidade paraguaia, de Capitan Bado. No local do crime, foram encontradas 43 cápsulas de 9mm.

Comentários