Torra Estoque MS, a maior liquidação do Estado. (Imagem/Divulgação)

Ação do Sebrae/MS e FAEMS envolve 30 associações comerciais de todo o Estado e proporciona descontos que prometem zerar os estoques

O final do mês será marcado por uma semana de descontos em todo o Estado, que ocorrerá entre os dias 25 e 30 de outubro, em cerca de 30 cidades de Mato Grosso do Sul. O “Torra Estoque” é uma realização do Sebrae/MS, em parceria com a Federação das Associações Empresariais de Mato Grosso do Sul (FAEMS) e as Associações Comerciais dos municípios, no intuito de aquecer as vendas e zerar estoques.

Considerada a maior liquidação conjunta e articulada do Estado, a chamada “Black Friday” sul-mato-grossense é realizada pelo segundo ano consecutivo e proporciona vantagens aos comerciantes, que esvaziam os estoques e garantem capital para receber novos produtos, e aos compradores, que adquirem produtos com descontos especiais para os presentes do fim de ano.

A coordenadora da ação, a gerente da Regional Sul do Sebrae/MS, Vanessa Reis, considera a campanha uma oportunidade para alancar os pequenos empreendedores, diante da pandemia no último ano. “A ação permite ao empresário ter um giro de caixa, minimizando assim, o impacto da pandemia nos negócios, aquecendo a economia local e realizando o esvaziamento dos estoques. É uma importante ação de retomada para essas empresas”, disse.

Nesta edição, aderiram ao Torra Estoque MS as Associações Comerciais de Nova Alvorada do Sul, Amambaí, Glória de Dourados, Ivinhema, Dourados, Tacuru, Itaquiraí, Novo Horizonte do Sul, Itaporã, Ponta Porã, Angélica, Laguna Carapã, Coronel Sapucaia, Costa Leste, Selvíria, Paranaíba, Ribas do Rio Pardo, Inocência, Três Lagoas, Aparecida do Taboado, Jardim, Porto Murtinho, Corumbá, Miranda, Bonito, Camapuã, Figueirão, Rio Verde de Mato Grosso, Costa Rica, Coxim e Chapadão do Sul.

Como participar

As empresas participantes de cada município estarão adesivadas, sinalizando para os consumidores os descontos, definidos por cada um dos negócios. Para dúvidas, os interessados podem consultar a associação comercial da cidade.

Comentários