Segundo o Ministério da Saúde, mais de 13 milhões de pessoas já se recuperaram da doença no país

O Brasil registrou, nesta segunda-feira (3), 938 mortes por covid e 24.619 novos casos, de acordo com os dados enviados pelos estados ao Ministério da Saúde e ao Conass (Conselho Nacional de Secretários de Saúde). É a primeira vez, em semanas, que o país fica abaixo dos mil óbitos diários. 

Com o balanço de hoje, o país contabiliza 408.622 mortes e 14.779.529 pessoas que já foram diagnosticadas com a doença.

De acordo com o Ministério da Saúde, mais de 13 milhões de pessoas já se recuperam da covid-19 no país.

Segundo o Conass, a taxa de letalidade do coronavírus no Brasil é de 2,8% e a taxa de mortalidade por cada 100 mil habitantes é de 194,4. A média móvel de óbitos nos últimos 7 dias é de 2.348 e a média móvel de novos casos é de 58.587.

Mato Grosso do Sul

Nas últimas 24 horas foram registrados mais 407 novos casos da doença e 30 óbitos – ressalvando que há 29 em investigação. A média móvel nos últimos 7 dias é de 880.7 casos e a média móvel de mortes está na marca de 39.0 com taxa de letalidade em 2,3%.

O número de contágio nas últimas 24 horas ocorreu nas seguintes cidades: Campo Grande +118 novos casos; Dourados +91; Corumbá +28, Rio Brilhante +23; Três lagoas +22. A faixa etária de 30 a 39 anos é a que mais se contamina, de acordo com os dados do Boletim.

As 30 mortes por Covid – 19 foram registrados em: Campo Grande e Dourados com 5 perdas cada, Ponta Porã e Naviraí com 3 óbitos cada; Corumbá e Três Lagoas 2 óbitos cada. Os demais municípios registram uma morte no domicílio: Nova Andradina, Cassilândia, Aparecida do Taboado, Costa Rica, Fatima do Sul, Ivinhema, Mirando, Nova alvorada do Sul, Sidrolândia e Vicentina.

Comentários