Ministério da Saúde aponta para 271 novos óbitos e 15.383 diagnósticos da doença respiratória causada pelo coronavírus nas últimas 24 horas

O Brasil registrou nesta segunda-feira (19) 15.383 novos casos de covid-19 e 271 mortes em decorrência da doença respiratória causada pelo novo coronavírus, de acordo com o Ministério da Saúde.

Com a atualização, o País agora contabiliza 154.176 óbitos por covid-19 e 5.250.727 casos desde a primeira notificação da doença, registrada no final do mês de fevereiro.

Ainda segundo o balanço oficial do governo, 4.681.659 pessoas se curaram da covid-19 no Brasil e outros 414.892 casos estão em acompanhamento. A taxa de letalidade da doença no Brasil caiu para 2,9%.

Desde o início da pandemia, mais de 40 milhões de pessoas já foram infectadas pela doença em todo o mundo. Do total de doentes, mais de 1,116 milhão morreram, segundo a Universidade Johns Hopkins.

Mato Grosso do Sul

A secretaria estadual de Saúde divulgou hoje, através do boletim epidemiológico online que foram confirmados 367 novos casos de coronavírus em Mato Grosso do Sul. Com isso, o número total de casos confirmados desde o início da pandemia é de 77.490.

Apesar da queda nos números, inclusive da taxa de contágio que chegou a 0.94, o secretário de saúde Geraldo Resende, não descarta a possibilidade de uma nova onda da doença, assim como vem acontecendo em outros estados e até em outros países. E ressalta que até que chegue a vacina, ainda é preciso seguir as recomendações de isolamento social e uso de máscara.

Entre os municípios com maior número de novas confirmações, Campo Grande aparece com 228, Três Lagoas com 27, Dourados com 16 e Porto Murtinho com 11 novos casos.

Dos 77.490 casos confirmados, 72.049 estão sem sintomas e já estão recuperados, 3.610 estão em isolamento domiciliar, e 344 estão internados.

Foram registrados ainda 04 novos óbitos, passando para 1.495 mortes pela doença em Mato Grosso do Sul, com média móvel de 8,1 óbitos por dia e taxa de letalidade de 1,9%. Corumbá  registrou dois óbitos. Já Campo Grande e Naviraí registraram um óbito cada.

*Com informações R7

Comentários