O pré-candidato do PSD ao Governo do Estado, Marquinhos Trad, tem na saúde uma das prioridades no Programa de Governo. Os inúmeros pedidos de socorro dos municípios do interior, intensificados na pandemia, levaram Marquinhos a aceitar a missão de governar Mato Grosso do Sul, melhorando a vida de mais pessoas.

“Sempre recebemos muitos pedidos de transferência para Capital, mas na pandemia, eram pessoas correndo contra o tempo, implorando por uma vaga que, se não saísse, levaria um amigo ou familiar a morte. Sem falar nas pessoas que correm riscos nas estradas toda semana para fazer tratamento na Capital. Um descaso com um setor que deveria ser prioridade  de qualquer gestão”, observou Marquinhos.

O pré-candidato do PSD quer repetir no Governo do Estado a fórmula de sucesso que melhorou a saúde na Capital. “Quando fui eleito prefeito de Campo Grande, ocupávamos o último lugar entre as capitais na atenção primária em saúde, com 33%. Hoje, estamos entre as seis melhores do Brasil, com cobertura de 75%. Temos hoje a maior residência médica e multiprofissional de saúde de família do Centro-Oeste e uma das maiores do País, com mais de 300 especialistas em saúde da família formados”, pontuou.

Marquinhos acredita que o segredo está na gestão, que precisa ter como foco a melhoria de vida das pessoas. “Na Prefeitura da Capital vi a dificuldade que os municípios enfrentam. Imagina o interior, sem apoio do Governo. Entendemos as dificuldades e teremos a saúde como prioridade. Vamos formalizar convênios com esses municípios para garantir o custeio desses serviços, investindo na assistência à saúde”, garantiu.

Na Capital, Marquinhos inaugurou 10 unidades de saúde e três clínicas da família; reformou 30 das 72 unidades de saúde; realizou o maior concurso da história da saúde, com convocação de mais de mil profissionais; renovou toda a frota do Samu e realizou convênios com hospitais e maternidades para ampliar atendimentos.

Fonte: Ascom Pré campanha

Comentários