Após a proposição do deputado estadual Neno Razuk (PTB), o Governo do Estado anunciou o mutirão de vacinação nas escolas públicas e privadas dos 79 municípios de Mato Grosso do Sul. O ‘Dia D’ será realizado no dia 7 de dezembro e visa vacinar aproximadamente 174.600 alunos que ainda não se imunizaram, divididos entre primeira a dose e outros que não tomaram o reforço. A ação é uma parceria da SES (Secretaria Estadual de Saúde) e a SED (Secretaria de Estado de Educação)

“Já mostramos que o lugar de vacina é no braço, tanto que Mato Grosso do Sul é referência em vacinação no Brasil e a nossa ação vai intensificar o acesso às vacinas dentro das escolas, acelerando ainda esse processo de imunização geral. Agradeço aos secretários Geraldo Resende (PSDB) e Maria Cecília Amêndola da Motta pelo feito e ressalto aqui a importância da campanha, visto que as aulas tanto na Rede Estadual de Ensino, nas Rede Municipais e nas privadas já estão 100% presenciais. Além disso, é uma boa oportunidade de vacinar aqueles adolescentes que ainda não conseguiram ter acesso ao imunizante por algum motivo e incentiva outras pessoas do convívio familiar a se vacinarem, a estarem protegidos contra o agravamento da doença”, destacou Neno.

Conforme informações, desde o início do calendário nacional de vacinação contra Covid-19, Neno destacou a importância do incentivo a vacinação dentro das escolas do Estado e a indicação ganhou força e deu força a campanha denominado pela SES (Secretaria de Estado de Saúde) e SED (Secretaria de Estado de Educação) como “estudante inteligente confia na ciência – Vacine-se”.

Para o parlamentar a saúde pública é necessária e tem que ser oportunizada de diferentes formas. Já estamos com números animadores, mas podemos diminuir cada vez mais internações e óbitos pela doença”, disse Neno sobre a proposição de mutirão dentro das escolas.

Informações sobre a vacina

De acordo com o Ministério da Saúde e a Anvisa, a única vacina autorizada para aplicação na faixa etária entre 12 a 17 anos é a Pfizer. O cronograma das escolas polos será disponibilizado pela secretaria de saúde de cada município e em Campo Grande, a Escola Estadual Joaquim Murtinho será a referência para a vacinação dos estudantes.

Fonte: Ascom Gab. Parlamentar

Comentários