Polícia Militar Rodoviária

Polícia faz apreensão recorde de pasta base de cocaína na fronteira

Foram apreendidos 230 quilos, que seriam deixados em Maringá (PR).

 

18/09/2019 19h10
Por: Redação

 
Fundo falso do caminhão onde estavam tabletes de pasta base de cocaína. Divulgação Fundo falso do caminhão onde estavam tabletes de pasta base de cocaína. Divulgação

A Polícia Militar Rodoviária (PMR) realizou nesta quarta-feira (18) a maior apreensão de pasta base de cocaína do ano. Foram apreendidos 230 quilos que estavam em compartimento oculto no chassi do semireboque. O motorista de 35 anos foi preso.

Segundo boletim de ocorrência, os policiais abordaram uma carreta Scania com placas de Xaxim (SC), tracionando um semireboque com placas da mesma cidade, na MS-386, no km 39, perto do distrito de Sanga Puitã, em Ponta Porã.

Durante a entrevista, o condutor apresentou nervosismo excessivo e em uma busca pelo veículo foi localizado compartimento de fabricação caseira, embutida no chassi do semireboque, com 220 tabletes de pasta base de cocaína, totalizando 230,7 quilos. Confira vídeo ao final da reportagem.

Questionado, o autor do tráfico de drogas disse que chegou ontem (17), na cidade de Amambai e deixou a carreta em um posto de combustíveis com a chave dentro da cabine. Horas depois, já pegou o veículo com o entorpecente.

Hoje, foi até uma cooperativa no município de Aral Moreira, onde carregou uma carga de 31,9 toneladas de milho a granel.

Ainda de acordo com o caminhoneiro, o veículo seria deixado na cidade de Maringá (PR) e receberia R$ 10 mil pelo frete.

O homem foi preso em flagrante delito e encaminhado para a Polícia Federal de Ponta Porã.

Esta é a maior apreensão de pasta base de cocaína realizada pela PMR em 2019, a carga está avaliada em R$ 1.900.000,00.

Envie seu Comentário