Além da apreensão, foi aplica multa de R$ 49,2 mil em empresa carvoeira

Durante fiscalização ambiental em Aquidauana, policiais militares ambientais apreenderam hoje (12) um veículo Tractor Scania, com uma carreta acoplada, que transportava ilegalmente uma carga com 96 m³ de carvão e um caminhão Mercedes Benz transportando também 68 m³ de carvão.

Segundo a Polícia Militar Ambiental (PMA), as cargas que saíram do município de Nova Andradina eram transportadas sem o Documento de Origem Florestal (DOF) e o carvão era misturado, havendo produto proveniente de madeira nativa e de eucalipto, provavelmente, para burlar a fiscalização, pois na nota fiscal constava tudo como produto de eucalipto.

“Isso normalmente é feito porque, para o produto de eucalipto (madeira plantada exótica), não haveria a necessidade do documento ambiental, diferentemente para o carvão da madeira nativa. O DOF é o documento ambiental para o transporte, beneficiamento e armazenamento de qualquer produto da flora nativa”, frisou nota da PMA.

Ambos os veículos e cargas foram apreendidos e foram encaminhados à Delegacia de Polícia Civil de Aquidauana e os responsáveis responderão por crime ambiental, com pena prevista de seis meses a um ano de detenção. A empresa carvoeira proprietária do carvão ilegal, com domicílio jurídico no Distrito de Casa Verde, no município de Nova Andradina, foi autuada administrativamente e recebeu multa de R$ 49.200,00.

Comentários