Assinatura do convênio. (Foto: Gov. MS)

Azambuja diz que o ano será de investimentos no Estado

Para melhorar a qualidade de vida da população, o governador Reinaldo Azambuja entregou obras de infraestrutura urbana em Coronel Sapucaia e ainda assinou convênio para construção de um novo Hospital Municipal da cidade. Ao todo foram R$ 11 milhões em investimentos.

“A obra do novo hospital é importante, porque todo investimento em saúde é uma melhoria no atendimento à população. Estendemos a mão aos municípios. Trazer o hospital, fazer recapeamento nas ruas da cidade, assim como outros investimentos é melhorar a qualidade de vida das pessoas”, afirmou o governador.

O convênio para construção do Hospital Municipal tem o valor de R$ 7,8 milhões. A unidade vai dispor de 2.299,88 metros quadrados de área construída, com atendimento de urgência e emergência, salas de centro cirúrgico, parto humanizado e de internação com 17 leitos adultos, 8 leitos de pediatria, 2 leitos de pós-parto, chegando a 27 no total.

Reinaldo entrega obras e assina convênio para construção de hospital em Coronel Sapucaia

“Temos algo a celebrar neste dia, que vai mudar a vida das pessoas que moram em Coronel Sapucaia, que é a assinatura do convênio para construção do novo hospital, que será moderno, funcional e de fato fará com que a cidade tenha um local qualificado para atender seus pacientes”, afirmou o secretário estadual de Saúde, Geraldo Resende.

O prefeito da cidade, Rudi Paetzold, agradeceu a parceria com o Governo do Estado. “Levamos três projetos ao governador e o mais importante era a construção de um novo hospital, quando apresentamos os valores, ele disse que faria o hospital, abraçou o projeto e agora vai se tornar uma realidade. É fácil ser prefeito com a ajuda deste tamanho do Governo do Estado”.

Para o presidente da Assembleia, o deputado Paulo Corrêa, se trata de uma obra emblemática. “Aqui é o começo do Brasil e tinha que ter um hospital sim e o governador (Reinaldo Azambuja) mostra respeito com a cidade”.

nfraestrutura urbana

Para infraestrutura urbana são mais R$ 2,6 milhões em obras de restauração de vias públicas e drenagem, que foram entregues nesta solenidade. Ao todo 21 ruas e uma avenida foram contempladas.

“Entregamos esta recuperação do pavimento de diversas ruas. Desta maneira construímos toda infraestrutura do Estado. Vamos continuar nossos investimentos nas cidades, assim como Coronel Sapucaia, que são ações em infraestrutura, saúde e saneamento básico”, disse o secretário de Infraestrutura, Eduardo Riedel.

Reinaldo entrega obras e assina convênio para construção de hospital em Coronel Sapucaia

O casal Marcelino Espíndola, 73 e Leopoldina Alves, 61, que moram na Rua Amâncio da Silva, uma das que foram recapeadas, elogiaram o trabalho realizado pelo Governo. “Graças a Deus a vida melhorou bastante, depois que recapeou nossa rua, ficou 100% melhor, a cidade ficou mais bonita”.

O saneamento básico também faz parte do pacote de investimentos no município, com a entrega da obra de perfuração e ativação do poço tubular profundo, no valor de R$ 390 mil.

Dentro do programa “MS Bom de Bola”, foi assinado o termo de autorização para implantar uma arena esportiva (R$ 343 mil), que ainda vai dispor de arquibancadas, luz de led e grama sintética. O Governo vai levar estas arenas para todas as cidades do Estado.

Famílias carentes

Para ajudar quem mais precisa, o governador entregou 28 cartões do programa “Mais Social”, que faz um repasse mensal no valor de R$ 300,00 para famílias carentes. Na cidade 810 famílias são beneficiadas com este apoio. “Ajuda a fortalecer a renda destas pessoas, que poderão fazer suas compras com o cartão”, disse o governador.

A diarista Sidnéia dos Santos Fortunato, de 41 anos, agradeceu a ajuda do Governo. “Este cartão vai nos ajudar muito, porque a situação não está fácil, para comprar gás de cozinha, que está 98 reais, além de arroz. Esta ajuda vai fazer muita diferença e Deus sabe o quanto estava precisando”.

“O governo não é só obras, mas também olha para as pessoas com programas sociais importantes, a cidade tinha 146 pessoas no Vale Renda e hoje teremos 810 pessoas com cartão social, que vai ajudar a comprar alimento. Quem escolhe o que vai comprar é a família. Este programa é permanente”, disse o governador.

Ainda aproveitou para citar o programa “Energia Social: Conta de Luz Zero”, que só na cidade de Coronel Sapucaia, contempla 1022 famílias, que não estão pagando a conta de energia.  “Quando economiza com energia, pode comprar alimento, remédio ou roupas para os filhos, a família é quem vai decidir”.

Também acompanharam a agenda do governador em Coronel Sapucaia o secretário Eduardo Rocha (Governo e Gestão Estratégica), a deputada Mara Caseiro e o diretor-presidente da Sanesul, Walter Carneiro Júnior, além de prefeitos e vereadores de cidades da região.

Comentários