A Polícia Militar com apoio do Departamento Estadual de Trânsito de Mato Grosso do Sul (Detran-MS) realizaram na noite de ontem (17) blitz da lei seca na Avenida Marechal Deodoro, Vila Bandeirante, em Campo Grande.

De acordo com balanço apresentado pelo Batalhão de Trânsito da PM, foram realizados 476 testes de alcoolemia, sendo que um condutor foi flagrado dirigindo veículo sob efeito de álcool, abaixo do índice de 0,33 miligrama de álcool por litro de ar expelido, o que configura apenas medida administrativa, ou seja, multa e retenção da Carteira Nacional de Habilitação (CNH).

Neste caso, motorista teve o veículo retido até a apresentação de pessoa habilitada para conduzir.

Ainda de acordo com a PM, outros 24 motoristas recusaram a realização do teste do etilômetro (bafômetro) e tiveram as mesmas medidas administrativas adotadas em relação ao condutor flagrado sob efeito de álcool.

O motorista é somente preso quando apresenta mais de 0,33 miligrama de álcool por litro de ar expelido no teste. Em ambos casos, há aplicação de multa no valor de R$ 2.934,70, além do condutor responder processo de cassação da CNH.

Além dos casos envolvendo a “lei seca”, a blitz identificou três pessoas conduzindo veículo sem a devida habilitação, outra levando criança em desacordo com as normas de trânsito e um dirigindo na contramão de direção.

Foram encaminhados ao pátio do Detran, dois carros de passeio e uma motocicleta.

Comentários