(Fotos: Divulgação)

Dois brasileiros e outros três pessoas, ainda não identificadas, foram presos na madrugada deste sábado (23), em Pedro Juan Caballero, cidade que faz cidade paraguaia vizinha de Ponta Porã, em Mato Grosso do Sul. Com eles foram achados várias armas de fogo, celulares e veículos. Dois deles tinham mandado de prisão internacional.

A Polícia Federal brasileira vinha monitorando a movimentação do grupo e as informações foram repassadas para as autoridades paraguaias, dentro do acordo de cooperação tripartite, que envolvem os dois países e mais a Argentina.

Nesta madrugada, por volta das 4 horas agentes da Polícia Nacional entraram na casa onde estavam os homens. Os criminosos estavam dormindo com várias armas por perto, mas não tiveram tempo de reagir. “Nós praticamente os surpreendemos na cama, com as armas ao lado, mas graças a Deus eles nem tiveram tempo de reagir”, disse o comissário Marcelino Espinoza à imprensa paraguaia.

De acordo com site ABC Color, foram presos os brasileiros Luiz Gustavo Alves Aguiar e Jefferson Kelvin Gonçalves de Oliveira, sendo eles os principais alvos da ação policial.

Luiz Gustavo era procurado no Brasil por vários crimes e Jefferson estava na lista de procurados da Interpol por tráfico de drogas internacional e homicídio.

Também foram presas outras três pessoas, que não tiveram suas identidades reveladas.

Segundo PF, os brasileiros presos deslocaram de Montes Claros (MG) para a fronteira para substituir membros de uma facção criminosa, responsável pelo tráfico de drogas e outros crimes, que haviam sido presos.

Na casa foram apreendidos três fuzis, sendo dois AK 47 calibre 7,62 e um M4 calibre 5,56, além de uma pistola Glock calibre 9mm, celulares, dinheiro, dois carros, equipamentos de comunicação e farta munição de calibres variados.

Brasileiros são presos com arsenal em Pedro Juan durante operação policial
Comentários