O homem foi identificado como Marcos Diego Campos Araújo de 26 anos de idade

02/06/2020 07h39
Por: Redação

Durante a Operação Hórus, Marcos Diego Campos Araújo, 26 anos, foi morto em confronto com policiais do Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope) da Polícia Militar na noite de ontem (1), em Sidrolândia. Ele foiu alvejado com três disparos, dentro de uma boca de fumo.

Os policiais militares estavam em patrulhamento, por volta das 23 horas de ontem (1º), pela Rua Aquidauana o autor foi flagrado em um local conhecido por ser ponto de venda de drogas, vestindo uma blusa com capuz da cabeça. Ao perceber que seria abordado, o mesmo sacou de uma arma e atirou contra os policiais, que de imediato revidaram acertando o mesmo que caiu ao solo, segundo site Sidrolândia News.

Marcos foi levado até o pronto socorro do Hospital Dona Elmiria Silvério Barbosa, mas acabou não resistindo aos ferimentos e veio a óbito. O homem possuía uma tatuagem de um palhaço em uma das pernas.

De acordo com a polícia, esse tipo de tatuagem está ligada a pessoas que têm envolvimento com roubo, formação de quadrilha e morte de policiais. Muito associada à malandragem, a figura do palhaço costuma ser tatuada com um sorriso sarcástico e irônico.

O corpo foi levado para o Instituto Médico Legal da cidade.

Sidrolândia News.

Comentários