Os servidores ligados às unidades dos Centros de Referência de Assistência Social (CRAS), que atendem diretamente a população em vulnerabilidade social, receberam nesta semana a doação de 220 protetores faciais (face shield) do Instituto Federal de Mato Grosso do Sul. Os itens, feitos em impressoras 3D, serão um reforço na proteção das equipes da SAS.

Os produtos doados são produzidos por meio do projeto IFMaker, com utilização de impressoras 3D, numa força-tarefa que envolve a equipe docente e os estudantes, tanto no campus do IFMS de Campo Grande, quanto em outros campus do MS.

A máscara protetora tem sido uma grande aliada durante o período das ações de combate ao coronavírus, usada principalmente pelos profissionais da saúde que estão na linha de frente de atendimento. Essa barreira contribui justamente para que o contato não aconteça de imediato com o rosto de quem usa.

Quem tiver interesse em contribuir com o projeto, com a doação de insumos para produção dos EPI’s, que já chegou a pelo menos 8 mil pessoas que atuam diretamente no combate à Covid-19 em Campo Grande e outros municípios de MS, pode entrar em contato por meio do endereço eletrônico [email protected]

Comentários